quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Mexendo na historia

Movimentos sociais do Brasil colônia ao Brasil Império
O que são movimentos sociais?
Realizar um movimento social é quando um grupo de pessoas se reúne com um mesmo objetivo: reivindicar, protestar e por conseqüência obter melhorias para um determinado tema.
Vamos nos aprofundar na historia do Brasil

A fase do descobrimento das terras Brasileiras ocorreu em um período das Grandes navegações, onde Portugal e Espanha estavam em busca de novas terras. Essas perigosas viagens tinham unicamente interesses econômicos, pois, achar novas terras significava novas riquezas e novos escravos.
Quando os portugueses chegaram ao Brasil, deparou-se com povos jamais vistos antes de língua, costumes e modos de vida bastante diversificados. 
1- O Período Colonial
 Entende-se que este período é quando o Brasil está em total domínio econômico e social com Portugal.
1.2- Os Movimentos Sociais
Confederação dos Tamoios (1554-1567)
  • Está é a primeira rebelião da historia Brasileira.
  • Os Indígenas tupis uniram-se aos não tupis, com o objetivo de combater os portugueses, que tentaram escravizá-los. Esses Indígenas ficaram conhecidos como Tamoios.
  • Houve um grande apoio de Franceses que queriam estabelecer uma colônia na região.
  • A intervenção dos padres jesuítas Manuel da Nóbrega e José de Anchieta. Eles conseguiram a paz e os Portugueses foram obrigados a libertar os Indígenas que se encontravam escravizados. 
 
Guerra dos Bárbaros (1682-1702)

  • Os índios Cariris disputas constantemente com os colonizadores.
  • O objetivo dos Portugueses era a tomada das terras indígenas.
  • Houve intermináveis disputas e a conseqüência foi à morte de varias índios.
Insurreição Pernambucana (a partir de 1645)

  • A luta contra o domínio holandês.
  • Colaboração dos senhores de engenho e dos colonos.
  • Objetivo: A retirada dos neerlandeses da região Nordeste do Brasil.
 

Revolta de Beckman (1684)
  •   A proibição da escravidão dos indígenas, imposta pelos jesuítas. 
  •  Liderada pelos irmãos Manuel e Tomas Beckman.
  •   Objetivo: Reestruturar o monopólio comercial e aumentar o poder administrativo.

 
Guerra dos Mascates (1710 a 1711)

  • “Mascates” nome pejorativo dado aos comerciantes de Recife.
  • Ocorreu em Pernanbuco.
  • Declínio dos preços do produto no mercado internacional.
  • Houve a autonomia de Recife sendo elevada a categoria de Vila.
Revolta de Filipe dos Santos (1720)

  • A exploração do ouro e a cobrança de impostos altíssimos.
  • Mais de duas mil pessoas teriam participado.
  • Objetivo: Fechamento da Casa de Fundição e a redução dos Impostos.
  •  Filipe dos Santos, o condutor da revolta, foi enforcado e esquartejado.



Inconfidência Mineira

  • Tiradentes é tido como o líder da conjuração Mineira.
  • A colônia não conseguia mais pagar os impostos cobrados pela Coroa.
  • Objetivo: Tentar a independência do Brasil.

Conjuração Baiana ou Revolta dos Alfaiates (1798)

  • Grande participação de populares pobres e não a elite como a revolta Mineira.
  • Seus principais lideres eram alfaiates.
  • Os revoltos espalharam panfletos em salvador onde pregavam contra Portugal.
  • Objetivo: Lutar contra a escravidão e favor da Democracia.
Revolução Pernambucana (1817)


  • Ocorreu em Pernambuco.
  •  O apoio do Rio Grande do Norte e da Paraíba.
  • Objetivo: O fim da colônia portuguesa.
  • A revolta não teve continuidade, pois, o governo mandou tropas para Pernambuco onde seus principais idealizadores foram presos e executados.
 A bandeira da Revolução Pernambucana de 1817.

2 – O Período Imperial

2.1 - Os Movimentos Sociais

Confederação do Equador (1824)

  • Esta revolução foi criada pelo não aceitamento da constituição imposta por
D. Pedro I.
  • Objetivo: A criação de um novo país chamado Confederação do Equador, onde sua forma de governo era o Republicano.
  • A Paraíba, O Ceara e o Rio Grande do norte apoiaram essa idéia.
  • Os Idealizadores foram presos e mortos.



Cabanagem (1835 – 1840)
 
  • Ocorreu no Pará e reuniu mestiços, índios e negros.
  • Foi considerada uma das mais violentas e sangrentas rebeliões populares.
  • Mais de 40 mil mortos (redução de 30% da população do Pará)
  • Objetivo: Acabar com a miséria da população e tomar a cidade de Belém 


Balaiada (1838-1841)

  • Ocorreu no Maranhão
  • Esta Rebelião chegou a ter 11 mil homens armados.
  • Um dos seus lideres fabricava balaios (Manuel Francisco dos Anjos Ferreira), daí houve a origem do nome Balaiada.
  •  Principal causa foi uma grave crise econômica que fazia com que houvesse o acirramento entre classes sociais.
 
Sabinada (1837 – 1838)

  • Ocorreu na Bahia
  • Seu líder era Francisco Sabino, que deu origem ao nome da revolta.
  • Objetivo: A instalação de uma republica provisória.
  • Muitos revoltos foram presos e outro mortos.




Farrapos ou Farroupilhas (1835-1845)

  • Ocorreu no Rio Grande do Sul
  • Objetivo: A autonomia da colônia, contra a centralização do império.
  • Ocorreram varias batalhas onde a trégua foi negociada e a absolvição concedida a todos.




Revolução Praieira (1848-1849)

  • O principal motivo era a grande rivalidade entre os partidos Liberais e os conservadores.
  • Objetivo: Alcançar o direito do voto livre e democrático. Melhores condições de vida, a liberdade de expressão e melhores condições trabalhistas.
  • Mais de 500 revoltos foram mortos.




Colégio: Barros Barreto
Serie:Turma: C
Matéria: Sociologia
Professora: Ana Rita

Alunos: Aglai Raiane
               Ítalo Tavares
               Felipe Tavares

Referencias Bibliográficas






    Nenhum comentário:

    Postar um comentário